26 de agosto de 2016

#Livro: A Rainha Normanda - Patricia Bracewell


Sinopse:

Em 1002, Emma da Normandia, uma nobre de apenas 15 anos, atravessa o Mar Estreito para se casar. O homem destinado a ser seu marido é o poderoso rei da Inglaterra, Æthelred II, muito mais velho que ela e já pai de vários filhos. A primeira vez que ela o vê é à porta da catedral, no dia da cerimônia. Assim, de uma hora para outra, Emma se torna parte de uma corte traiçoeira, presa a um marido temperamental e bruto, que não confia nela. Além disso, está cercada de enteados que se ressentem de sua presença e é obrigada a lidar com uma rival muito envolvente que cobiça tanto seu marido quanto sua coroa. Determinada a vencer seus adversários, Emma forja alianças com pessoas influentes na corte e conquista a afeição do povo inglês. Mas o despertar de seu amor por um homem que não é seu marido e a iminente ameaça de uma invasão viking colocam em perigo sua posição como rainha e sua própria vida. Baseado em acontecimentos reais registrados na Crônica Anglo-saxã, A rainha normanda conduz o leitor por um período histórico fascinante e esquecido, no qual fantasmas vigiam os salões do poder, a mão de Deus está presente em cada ação e a morte é uma ameaça sempre à espreita.

Governando na época compreendida entre o rei Artur e a rainha Elisabeth I, a rainha Emma é uma heroína inesquecível cuja luta para encontrar seu lugar no mundo continua fascinante até hoje.

Opinando:

E lá vou eu tentar falar de um livro que me deixou com alguns pontos de interrogação. Vou tentar ao máximo não contar a respeito da historia em si para não tirar a surpresa da leitura do livro. Mas têm alguns pontos que gostaria de destacar e conversar com quem leu, ou gostaria de ler esse livro.

A primeira delas é porque a autora resolveu tomar o caminho mais fácil da historia, e fazer de Emma uma menina mega mimada e cheia de "Liberdades" que realmente não condiz com a época que ela viveu, nem como própria clima do local. Esse foi um dos pontos que inclusive mais em chamaram a atenção pois ele me fez refletir que apesar da pesquisa histórica, a autora buscou o caminho mais fácil para dar uma personalidade de mulher forte para Emma.

Outro ponto foi como ela pintou o Rei, como uma figura difícil de ser amada, por qualquer um inclusive por sues súditos. por um lado ela não acrescentou em nada qualidades nele, apenas falando de seus defeitos, e realmente pintando nele uma figura difícil de engolir como sendo verdadeira. Me pareceu que ela desejou fazer isso também até para o leitor ficar do lado de Emma durante toda a história, o que transformou os personagens masculinos de certa maneira em fantoches dela. Eu sinceramente fiquei com algumas pulgas atrás da orelha e farei uma pesquisa mais detalhada.

A religiosidade também é algo a ser destacada e o descaso como a autora tratou algo que foi o elo central da Idade Média transformando esse em mero anexo aos pensamentos dos personagens e dando um papel bastante pequeno na trama.

O livro no geral é bom, a autor soube explorar alguns recursos de narração que dão um charme e um diferencial para a leitura, mas ao meu ver foi uma tentativa de dar voz a uma mulher bastante forte, mas da forma errada, no geral eu classificaria como 3,5 estrelinhas.

Agora devo deixar uma mensagem para quem leu essa opinião até aqui que foi que pensei muito a respeito antes de formular uma ideia a respeito desse livro, acho que ele merece uma reflexão principalmente sobre o que esperamos dos livros e de seus personagens, na minha opinião estamos acostumados demais com a nossa zona de conforto.

Espero ter conseguido atingir meus objetivos com o texto, que foi instigar a reflex~]ao a respeito daquilo que lemos, e quero opiniões sobre quem leu? Ou se já se deparam com algum livro assim que despertasse esse lado reflexivo histórico, beijos grandes a todos e obrigada pela atenção!


19 de agosto de 2016

Tag: Olimpíadas Book tag


Oie gente linda fui indicada pela linda da Fer pra responder essa tag! E já fiquei mega animada... pois faz tempo que não respondo nenhuma :)
Indico a todas que desejarem responder ... fiquem a vontade a casa é sua :D

Bora lá!!

1- Cerimônia de abertura – um livro com capa e história bonita.



~ Esse livro é recomendação básica pára todos os amantes de ficção histórica!

2- País sede (Brasil) – um livro de literatura nacional que você orgulha de ter lido.


~ Não sou a grande leitora de livros nacionais, mas esse livro foi um orgulho de ter lido pois me fez mudar alguns hábitos que tinha em relação a mim e as compras! Gostei muito :)



3- Seleção masculina – um livro com um personagem masculino que você admira.




~ Meu lindo Poirot :) Não preciso falar mais nada



4- Seleção feminina – um livro com um personagem feminino que você admira.





~ Como não admirar a Sara, e sofrer com ela....



5- Delegação estrangeira – Um livro escrito por um autor(a) que você gostou muito.




~ Jane Austen não me decepciona nunca



6- Maratona – Um livro que você colocou em alguma maratona ou desafio que você orgulha de ter lido.


~Ano passado eu fiz um desafio da Agatha.... e li esse livro numa sentada só.... Foi apaixonante...

7- Tocha olímpica – Um livro que fez arder seus olhos por ficar horas acordado(a) esperando o desfecho da história.


~Quase morri para ler esse livro... pretendo reler, assim que a história sumir um pouco da minha mente...

8- Natação – Um livro que você leu e que quase fez você perder o fôlego.


~Esse livro sobre uma das minhas séries favoritas.... meu Deus eu quase morri principalmente pela beleza dele.

9- Quadro de medalhas:

I-Medalha de ouro- Um livro excepcional


~Esse livro é algo sem comparações pela introspecção que ele faz você fazer... eu acho que nenhum outro livro que já tenha lido fez com que eu pensasse tanto em mim quanto esse!

II- Medalha de prata – Um livro que faltou pouco para ser excepcional


~Quem me conhece sabe que eu sou a louca dos livros com fundo histórico mega trabalhados. O que acontece bem nesse livro eu acho ele uma história fraca, mas com um fundo extremamente bem desenvolvido. E acho que isso inclusive foi porquê a autora faleceu enquanto escrevia.

III- Medalha de bronze – Um livro que na sua opinião não é excepcional, mas não merece ser esquecido


~Qualquer livro da Terri entra nessa categoria, não são livros gigantescos, com mil reviravoltas... mas são livros muito bons e que mereciam muito mais destaque do que possuem hoje. #FicaaDica se procuras um bom romance.

É isso gente espero que tenham gostado e ficam todos convidados para responder! Beijos enormes e até o próximo post.


18 de agosto de 2016

#Livro: O Colecionador de Ossos - Jeffery Deaver



Sinopse:

O criminologista Lincoln Rhyme tem uma mente que brilha, mas um corpo que não sai do lugar. Já o assassino, além de um intelecto brilhante, tem a mobilidade de uma enguia. A missão do primeiro é impedir que o segundo continue a matar e desossar pessoas pelas ruas de Nova York.

Opinando:

Com essa sinopse bem confusa, essa capa sem graça, e um romance policial com quase 500 páginas, esse livro acabou morando em minha estante por quase um ano. E se arrependimento matasse!

Que livro, que ritmo.

Sabe uma daquelas histórias que começam com ar bem confuso mais aos poucos vão se transformando em algo grandioso capaz de prender o leitor ao ponto de não soltar mais o livro. Foi o que aconteceu comigo e essa história.

Me peguei em diversos momentos pulando páginas angustiada com o que iria acontecer com Amelia, e esse livro fez com o que ficasse acordada de madrugada pensando quem será o bendito assassino e ter alguns crushs pelo Rhyme, sim ele se torna um personagem cada vez mais fascinante, que você procura ler nas entrelinhas o que vai acontecer com ele. Não sei nem como explicar mas o modo que amente dele funciona (quando o autor da a voz a ele) se torna fascinante, ao ponto de queremos mais e mais.

Mas o ponto que preciso destacar e que mais me surpreendeu durante a leitura foi o fato de o romance ser um livro longo, mas que em nenhum momento se perde em termos de ritmo, apesar de termos alguns momentos confusos (que posso apostar serem problemas de tradução e revisão) pois o autor não se perderia na ideia assim, que acabam se tornando apenas passagens durante o romance.

Simplesmente um livro maravilhoso e estou muito feliz por finalmente nesse ano estar lendo livros bons, estive numa maré bem grande livros novos ruins, ou medianos, prova disso foi a falta de posts a respeito de livros.

Minha avaliação foi de 5 estrelas, mais coraçãozinho fofo de favorito e quero saber opiniões de vocês se gostaram ou não? Se pretendem ler ou não! Beijos enormes e até mais!!


17 de agosto de 2016

16 de agosto de 2016

Processo criativo!

Oie gente tudo bem, hoje quero dividir com vocês um colorido que fiz no meu novo queridinho :3 sério que coisa mais linda é o "Floresta Encantada" eu simplesmente ameiiiii esse livro! E quero dividir um colorido de brasão que escolhi umas cores diferentes... :) Muito amor né!




#Colorido #FlorestaEncantada #Amei

Beijos enormes e até o próximo post


13 de agosto de 2016

#Livro: Rei Arthur - Frank Thompson



Sinopse:

O jovem Arthur recebe uma missão aparentemente impossível: derrotar um conquistador saxão sedento de sangue e seu exército, doze vezes maior. Mesmo em desvantagem, Arthur está determinado a cumprir seu dever para com o Império Romano, sua família e a Bretanha.

Opinando:

Que livro gostoso! Simples assim e direto.

Se você procura uma leitura fácil, rápida e gosta de livros de ação, daqueles que possuem poucos diálogos, cenas sufocantes e algo mais visceral, você está diante do livro certo.

Com uma linguagem curta, direta, daquelas que fazem você começar a leitura e não querer largar, bem vindo a historia nova, com uma visão bem diferente das lendas Arthurianas e que te faz refletir sobre a grandeza do herói e seus cavaleiros.

O que mais me chamou a atenção nessa versão é que o autor, ou no caso o cara que adaptou a historia como romance, optou por nos apresentar um Arthur mais humano, com defeitos e qualidades, além de uma figura extremamente visual, que em diversos pontos chaves me fizeram imaginar o personagem de forma que suas ações fossem mesmo de um homem do inicio da idade Média, com todas as suas duvidas em relação a fé e aos tempos de mudanças como ficou conhecido.

Outro ponto que me chamou muito a atenção durante a leitura foi desmitificação de Guinevere, transformando ela em uma mulher forte e cheia de atitude. E claro que existe o triangulo amoroso mais famoso da história, mas que ganhou um espaço no plano de fundo de onde a ação se desenrolava.

Foi uma leitura extremamente proveitosa, que me fez inclusive sair de uma rotina de leituras ruins...
Avalei como 5 estrelas e ganhou um espacinho no meu coração de livros favoritos do ano.

E recomendo a leitura para todos que como eu gostam de uma boa história de guerreiros, com muitas cenas de batalha.

E gostaria de saber se vocês já leram? Se pretendem ler? E qual sua opinião se a resposta for positiva, adoraria trocar figurinhas a respeito dessa história!

Beijos Grandes e até o próximo post!


12 de agosto de 2016

#Desejado da vez...

 

É sobre "A Bela e A Fera"?
Mas claro que quero ler :3 e para ontem ;)

#Livros #Desejados



11 de agosto de 2016

#Faça Você mesmo: Skethbook sem costura

Oie gente tudo bem com vocês, espero que sim... Hoje quero mostrar uma dica muito legal :D
Se você é como eu que adora caderninhos sem pautas.... mas acha difícil de achar... seus problemas acabaram com esse vídeo!
Olhem primeiro...


E claro que tive que tentar e o resultado não poderia ser melhor... olhem as fotos :)




E ai o que acharam? Eu achei mega simples a ideia e a execução, e estou usando meu caderninho a um bom tempo e ainda não descolou as folhas, e eu acho que nem vai! Se fizerem me contem nos comentários! Beijos enormes e até o próximo post!


7 de agosto de 2016

6 de agosto de 2016

#Livro: Cartas na mesa - Agatha Christie



Sinopse:

Mr. Shaitana, apreciador de prazeres bizarros e ilícitos, é apunhalado perante uma insólita plateia: quatro detetives - inclusive o melhor deles, Hercule Poirot. 

Nunca antes em sua carreira o genial detetive se defrontara com tamanha audácia. As cartas já estão na mesa. Quem se atreverá a jogá-las? 

Opinando:

Um livro com  dois diferencias da zoninha de conforto da rainha do crime!

Em primeiro momento temos um crime que aconteceu sob os bigodes de Poirot, e o deixou extremamente intrigado, pois se relacionava ao um jogo de cartas e não havia nenhum motivo aparente para que fosse cometido, além que nenhum dos presentes "gostava" do dono da festa. Sendo esse uma criatura, petulante, e que por muitas vezes acabava por passar a imagem de um personagem composto para uma peça de teatro.

Outro ponto a destacar nesse livro, é que a autora se vale de interpretabilidade para conversar com o leitor, dando assim a abertura para um dialogo e "contando" de forma bastante discreta seus pensamentos sobre quem poderia ser o verdadeiro assassino. E isso deu ao romance uma caracteristica bem diferenciada dos demais livros.

Apenas um ponto que mereceu a minha decepção, e não sei se não foi causado por uma tradução equivocada, ou falta dela que não temos o desfecho de uma das personagens, e isso fez com queeu avaliasse em 4 estrelas em vez das 5.

Mas realmente é um daqueles livros que te prendem de uma forma extraordinária e outra coisa que me deixou muito feliz foi que com sua linguagem dinâmica a Agatha sempre consegue me arrastar para fora de umas ressacas literárias.

É  isso gente, gostaria a opinião de vocês, se gostaram se não, e se já leram qual sua opinião vou adora saber! Beijos enormes :)


4 de agosto de 2016

#Esmalte Cinza

Oie lindos (as)! Tudo bem espero que sim :)
Eu estou bem, e estou muito contente pois finalmente achei achei um esmalte cinza, cinza...
E quero dividir com vocês
Vamos olha as fotos :D

Hits - Louca emoção


 e claro que tinha que fazer uma filha unica preta e me esquecer de tirar o ladinho! :P
E vocês gostaram, se já usaram me falem nos comentários... beijinhus



3 de agosto de 2016

#ParaRefletir


"porque todas as respostas estão no fundo de uma boa xícara de café!" (Desconhecido)


2 de agosto de 2016

#Foto:Flores de inverno


Foto tirada por mim de uma floreira, de um angulo diferente :) #Amei