28 de novembro de 2013


Tenho Dó das Estrelas

Tenho dó das estrelas
Luzindo há tanto tempo,
Há tanto tempo?
Tenho dó delas.

Não haverá um cansaço
Das coisas,
De todas as coisas
Como das pernas ou de um braço?

Um cansaço de existir,
De ser,
Só de ser,
O ser triste brilhar ou sorrir?

Não haverá, enfim,
Para as coisas que são,
Não morte, mas sim
Uma outra espécie de fim,
Ou uma grande razão ?
Qualquer coisa assim
Como um perdão?


Fernando Pessoa


27 de novembro de 2013

~Novos marcadores

Pedi para editora :)

Ganhei da Luise

Ganhei da Luise
E como vai a coleção de vocês?


25 de novembro de 2013

#Playlist da semana...

Mais uma semaninha...
:) Mais um Play... 
espero que gostem,,,










,,,,é isso pessoal só aumentar o soom... e curtir.. bjokas
Volto durante a semana pra falar do novo disco do MotörHead :)


24 de novembro de 2013

Livro: A corista e outras histórias - Tchékhov


Sinopse - A Corista & Outras Histórias - Anton Tchékhov

Tchékhov é um dos maiores contistas da história da literatura. Ao lado de Gogol, Maupassant, Poe e outros poucos privilegiados, ele compõe a seleta galeria daqueles que elevaram o gênero a sua altura máxima. Tchékhov aborda os temas comuns, cotidianos. A partir de vidas na maioria das vezes inexpressivas produz uma literatura genial. A rotina, a mesquinhez, as idiossincrasias de seus personagens são expostas na dimensão humana mais ampla, combinando os grandes e os pequenos gestos. Não há mistificação, mas há generosidade. Há humor e autocomiseração. Muitas vezes há também melancolia, vidas que deveriam se cruzar e se perdem. Sua matéria-prima são pessoas comuns, vidas comuns, e o resultado é uma obra eterna, definitiva.

Pequena opinião...

Na descrição desse pequeno livro é dito: "Ninguém melhor que Tchékhov compreendeu a tragédia contida nas pequenas coisas da vida!" (Máximo Gorki)

Eu to apaixonada por essa coleçãozinha da LPM, o preço, o formato, e os títulos são surpreendentes, meu primeiro contato com o autor foi  "A dama do cachorrinho e outras histórias" Aonde ele traça pequenas trágedias humanas, que poderiam acontecer com qualquer um.

Ele é um autor de contos e tem seu lugar na fama ao lado de Poe, Gogol entre outros. Mas o que se surpreende em sua obra é o fato de ele descrever os problemas do cotidiano. problemas que levam o homem a revelar suas faces mais negras, ou as coisas mais privilégiadas. Para mim esta é uma obra reflexiva, afinal qual seria realmente a maior natureza humana?

São oito os contos que compõem esta edição: A palerma, O gordo e o magro, Ele brigou com a esposa, A carteira, A corista, A dama do cachorrinho, A noiva e Trapaceiros à força - Historinha de Ano-Novo.

Meu favorito é "A Palerma" pois é um conto sobre o julgamento do homem sobre seu semelhante, junto com a covardia das pessoas por lutarem pelos seus atos e seus direitos.

É um livro curtinho, gostoso, capaz de instigar o leitor a uma leitura rápida, e de qualidade!

Degustação:

{...} Fiquei  olhando quando ela se afastava e pensei: "Como é fácil ser poderosos nesse mundo!". (pág 6)
                                                        -------------X------------

Espero que tenham gostado dessa pequena opinião, que tal deixar um comentário e fazer esse blogueiro feliz!
Beijos e bom domingo!


23 de novembro de 2013

Poesia...

Contemplo o lago mudo

Contemplo o lago mudo 
Que uma brisa estremece. 
Não sei se penso em tudo 
Ou se tudo me esquece. 
O lago nada me diz, 
Não sinto a brisa mexê-lo 
Não sei se sou feliz 
Nem se desejo sê-lo.

Trêmulos vincos risonhos 
Na água adormecida. 
Por que fiz eu dos sonhos 
A minha única vida? 

Fernando Pessoa


22 de novembro de 2013

Diário Aberto...

Oie Gente tudo bene...
As novidades são pouquinhas, mas vamos conversar um pouquinho mais, vamos...
Fim da feira do livro eu acabei comprando mais dois livrinhos que foram...

Dois da sextologia de Sharpe, to finalmente lendo meu lindo Rei do Inverno das cronicas de Arthur e simplesmente apaixonada pela escrita e pela pesquisa histórica que o autor colocou em seu texto.

Assim que der leio e conto como foi...







Outra coisa linda que tenho feito é escrever cartas, é tão relaxante e pretendo colocar algumas no correio amanhã se o tempo colaborar, e também se der tempo de fazer tudo!

Está tão divertido!

:)

~Voltei a fazer minhas pequenas opiniões sobre livros de-êm uma olhadinha nos posts...
Espero que estejam, gostado...

~Fui com o pai ver como estão as obras de restauro na estação de Trem da cidade e olha o que encontrei...
Vai ficar muito bonito o trabalho!


~Comprei meu primeiro DVD para iniciar a minha coleção de filmes e documentários...

~Escrevi com pena e nankin mas não me sai muito bem não mas valeu a tentativa....

~A dieta vai indo, mas ainda não fiz minha pesagem desse mês.

~Faço provas de inglês essa semana.... aiaiaiaiaaiaiaiai..... esses simples past rsrsrsrs

~Voltei a cozinhar... consegui fazer uma bela pizza de massa podre essa semana :) #ILikeIt

Acho que estas são todas as minhas novidades e quais as suas, beijokas enormes e até o próximo post :)


20 de novembro de 2013

Conto: A besta Negra de Belleterre - Mary Jo Putney


Sinopse:
A Besta Negra do Belleterre - ( The Black Beast of Belleterre ) Antologia Christmas Revels - Mary Jo Putney
A história da Bela e a Besta na Inglaterra vitoriana. A besta negra do Belleterre tem um herói: James Markland, barão de Falconer, que cresceu em solidão e, além disso, está desfigurado por uma lesão. Leva um capuz para ocultar seu rosto, e vive em solidão. Um homem chamado Sir Edward Hawthorne toma emprestada uma quantidade substancial de dinheiro dele, e não pode devolver. Quando vai enfrentar ao senhor Hawthorne, vê de longe a Ariel, sua formosa filha. Logo se inteira de que Sir Hawthorne tem a intenção de casá-la com um homem mais velho com o fim de pagar a seus credores. Falconer se oferece em seu lugar, a contrair matrimônio só de nome com Ariel.

Uma pequena divagação...

Quem gosta de romances estilo de banca, sabe como as coisas são complicadas no Brasil, desde o fechamento da diva nova Cultural, que sempre tinha diversos lançamentos por mês, com histórias de todos os gostos.

Uma das soluções encontradas são as traduções livres que mulheres fãs desses romances se reúnem e traduzem a obra e distribuem por grupos de e-mail e em blog.

Falo isso porque esse romance extra fofinho que vou falar agora foi achado assim, amado, lido e relido.

Faz algum tempo, desde "Amor proibido" que um romance não tocava tão findo nesse coração apaixonado, tudo por causa desse mocinho. E da narrativa de sua vida.

James teve uma vida difícil cheia de dor e solidão. Por causa de uma deformidade no rosto é completamente isolado do mundo por seu pai após a morte de sua mãe e até os 36 anos não sabia e nem tinha esperança de descobrir o que era o amor e a felicidade plena.

Ariel nunca gostou da sociedade londrina e tinha uma relação muito ruim com seu pai, que além de nunca ser presente era viciado em apostar em jogos, cavalos etc. Suas apostas o fazem ser obrigado a pedir um empréstimo a James, que depois de ver Ariel sente pena por seu pai querer casá-la com um velho nobre para pagar suas dívidas e propõe um casamento só de nome.

A história dos dois é linda, a mocinha se sente muito triste por não ter a atenção de seu marido e o mocinho sente que sua linda esposa jamais poderia aceitá-lo por causa de sua deformidade.

Tá vocês devem tá se perguntando, mas como uma história tão fofinha e tão bobinha tem, de espetacular, simplesmente a narrativa, a forma com que a autora descreve os acontecimentos na vida dos dois, é algo que pode se acontecer com qualquer um. Quem nunca foi julgado por causa da aparência, quem nunca sofreu as consequências da indisposição do outro, quem sabe realmente como demostrar afeto.

Ai que tá esse livro nos faz pensar o quanto as vezes a flata de comunicação, ou de simplesmente aceita as pessoas e coisas como elas são podem transformar a infelicidade em felicidade.

Eu recomendo a leitura muito, principalmente para as fãs de carteirinha de romances, para conseguir esse pequeno livrinho só procurar no google ou nos grupos de distribuição.

Degustação:

-"Os livros tinham sido inventados para salvar a solidão humana, e eram, amigos sem par, amigos que nunca burlavam, estremeciam- se ou riam às costas de um homem. Os livros revelam seus tesouros a todos os que tomam o esforço de procurar." (pag 5.)
Nem preciso dizer que ganhou 5 estrelinhas mais dois milhões de coraçõeszinhos fofos...
E você, já leu? ficou curioso? que tal deixar um recadinho?
Beijocas!
E boa leitura :)


19 de novembro de 2013

e escrever...

                                 é como sentir ...
                       através de uma folha de papel...
             capaz de 
Transformar o intocável em objeto!

By Domino!


18 de novembro de 2013

#Playlist da semana...

Mais uma semaninha de frio no RS que tal aquecer o coração e os ouvidos então!
o/
Aumente o som....








Espero que gostem...
Alguma dica pra Playlist? que tal colocar nos comentários!?

Beijos e boa semana

17 de novembro de 2013

Opinando: Eu gosto de escrever cartas e você?


Olá gente tudo bem..
passando para dividir alguns pensamentos com vocês!
Que tal escrever cartas..
Tá vocês devem estar se perguntando, sobre email, redes sociais, celular e seus mil aplicativos de comunicação. Mas que tal escrever cartas, sim isso mesmo, cartas!
As cartas são velhas conhecidas da  humanidade sendo popularizados no final do século XVIII com a difusão da escrita para classes mais baixas da sociedade! (não vou da aula de história não, *risos*)
Elas são mais comuns no mundo feminino e serviam para manter a comunicação com família e amigos numa época que telefone não existia. 
Sim você deve estar lendo aqui e se perguntando, tá mas quem escreve cartas hoje em dia?
Amigos, parentes elas são mais comuns em época do natal ou em datas comemorativas.
eu escrevo cartas... e tenho vários motivos para fazê-lo. mas o principal deles é se sentir próximo a pessoas que mesmo longe são importantes em nossa vida! elas são como livros de papel, apesar de termos a versão em ebook, ou audio-book nada supera a sensação de tocar em folhas e sentir o cheirinho de livro novo ou usado.


Cartas são também um exercício, ajudam a melhorar a escrita e o modo de pensar, matam as saudades e emocionam, nada melhor do que conhecer as letras, os sentimentos de alguém que adoramos mas a distancia peca, ou de um amigo de longa data feito em redes sociais, que desejamos encontrar mas as condições financeiras, ou relações com outras pessoas não nos permitem!
Eu faço parte de um clube de cartas e estou adorando, afinal é um bom modo de conhecer pessoas novas e desenvolver mais ainda a sua escrita.
Mas antes disso o meu fascínio e vontade de escrever eram bem antigos, vendo desde o médio para ser sincera, com uma das minhas melhores amigas a janaína, hoje em dia em todos os presentes que envio, marcadores que troco, ou simplesmente um presentinho que será dado de natal, ou de aniversário para uma pessoa procuro escrever cartinhas... afinal elas são fonte de alegria imensa tanto para a pessoa que escreveu como para a pessoa que recebeu!


Eu ainda pretendo escrever muitas cartas, e cartões postais, adoro, e vocês, gostam, tem algo em mente?
Que tal montar um grupinho, ou procurar algum na internet ou redes-social?
Dê-em a sua opinião! Ela é muito importante para mim e escrevam, beijocas enormes e bom fim de semana para todos (as)!


16 de novembro de 2013

-Presentinhos..

oie gente..
tudo bene...
como vcs já devem ter percebido eu amo ganhar presentinhos... e amo mais ainda ganhar livros de presentes *--*
Olha os fofoso que ganhei da tati...
brigado amiga por lembrar de eu!

Eu estava procurando estes livrinhus a um tempão... porque já tinha "O escolhido" e faço coleção dos livros da Hannah!
Olha que bunitinho ficou a coleção toda!
 tinha que colocar do lado um dos meus amados... "A bela e a fera"..


E ai que acharam gostaram... Milhões de beijokas e até amanhã!

15 de novembro de 2013

Pense..

" quando na realidade o amor é uma coisa tão simples... Veja-o como uma flor que nasce e morre em seguida por que tem que morrer. Nada de querer guardar a flor dentro de um livro.Não existe nada mais triste no mundo, do que fingir que há vida, onde a vida acabou."
Lygia Fagundes Telles


14 de novembro de 2013

~Marcadores novos na coleção!

Ganhei da Linda isabel do passaporte literário...

Que tal passarem lá no bloguito dela...

Clika aki

Bjokas doces


13 de novembro de 2013

Livro: Balzac : A Obra prima inacabada (seguido de : Um episódio durante o Terror) - Balzac

Sinopse - A Obra-Prima Ignorada seguido de Um Episódio Durante o Terror - Coleção 64 Páginas - Honoré de Balzac
Duas histórias com a marca do gênio que inventou o romance moderno Nicolas Poussin é um jovem pintor interiorano em Paris. Em uma visita ao atelier do seu mestre, encontra uma figura impres­sio­nan­­te, um velho pintor com um extraordinário discurso sobre a “obra perfeita”. Mentor e aluno “bebem” então os ensinamentos do velho artista. “A obra-prima ignorada” é um texto que serve como pretexto para Balzac discutir as questões da arte e mostrar como a paixão pelo belo ideal leva um pintor à autodestruição. Um clássico sobre a busca da perfeição e a loucura. O outro conto se passa sob o regime do Terror (1793), durante a Revolução Francesa, um ano depois de Luís XVI ser guilhotinado. Uma estranha confraria formada por religiosos, monarquistas e tipos estranhos se reúne para cultuar a memória do rei. Um relato extraordinário, com um final surpreendente.­ Estas duas histórias são uma verdadeira degustação para a Comédia humana, com a poderosa marca do gênio que inventou o romance moderno.

Singela opinião:

Clássicos são clássicos, e cada vez que me defronto com uma obra dessas, de fácil acesso, texto gostoso, e principalmente um precinho convidativo me pego me perguntando como as pessoas não leem clássicos?

Eu nunca tinha me deparado com a obra dele, mas sou muito curiosa em relação a "comédia humana" , sua obra mais conhecida, e então resolvi fazer essa pequena degustação da sua escrita.

A experiencia não poderia ser melhor!

No primeiro conto temos a historia de dois artistas, o mestre e seu discípulo, que buscam criar a sua obra perfeita, a Vênus (Deusa do Amor Romana) para isso eles buscam entrar em contato com a jovem noiva e amante do discípulo. Mas ela se nega posar para o retrato em nome da modéstia  e com medo de perder o seu amor!

Na segunda história já temos um episodio que acontece durante a revolução francesa. E as chamadas noites de terror. Esse é um conto mais pesado mas não deixa de ser interessante. Pois tratasse da busca de religiosos para tentarem cultuar a face de um rei! Sim!

A premissa dessa edição da LPM fala que está é um degustação de quem busca ler a comédia Humana e acho que sim!

Deguste você também...

{...} "Manequins de gesso, fragmentos e bustos de deusas antigas, amorosamente polidos pelo beijo dos séculos, juncavam as mesinhas e os consolos. Intocáveis esboços a três lápis, sanguina ou pena cobriam até o teto." {...} ( pág . 8)

É isso gente espero que tenham gostado e se interessem a ler. vale muito a pena nem preciso dizer que me deixou com aquele gostinho de quero mais e que classifiquei com 5 estrelas e um coraçãozinho!

beijocas e até amanhã!


11 de novembro de 2013

#Playlist da semana... especial Dio...

Semana com feriado que tal ouvir o Master of Moon (piadinha tosca)
Eu sei que acordei hoje com vontade de ouvir ele!
Vamos Lá...









é isso gente linda...
Que suas semanas sejam ótimas...
bjokas doces...


9 de novembro de 2013

~Unha do dia!~

Faz tempão que não faço este post... hahaha
vamos a mais uma dica dica de Unha azul...
ebaaaa vamosss...


Riisqué -Imagination (3 camadas)
Color Trend - princesa em fuga (2 camadas - sobre base renda)

O resultado!



A escolha foi o estilo Gêmeas :)


E ai gostaram?
Beijokas doces 

8 de novembro de 2013

-Marcadores novos na coleção!

Oie gente mais um post mostrando marcadores hahahaha
Olhem os foferrimos que chegaram desta vez...

Ganhei da diva Lulis...

Resultado de troca...
Gente... gostaram? que tal deixar algum comentário... Hum... bjokas doces

7 de novembro de 2013

5 de novembro de 2013

Diário Aberto ...



Oie gente , quanto tempo se postar diário aberto...não..
Mas o priblema é que as novidades são bem poucas..
e a situação é bem calma..
Mas vamos as novidades..

1-Dieta continua, quase 20 kilos a menos e muito satisfeita! :D

2-As aulas de inglês estão um pouco complicadas com o malditos Past verbs :P afff

3-Ando bem disposta e escrevendo bastante!

4-Comecei meu tcc ai que meda...

5- Tenho feito Ótimas trocas de de marcadores e minha coleção aumentou bastante!

6- Tivemos feira do livro na cidade e eu comprei! um livrinho e peguei mtos marcadores... Olhem as fotos!



7-Voltei a escrever cartinhas, e to esperando respostas de algumas..

Acho que são estas as novidades... e com vocês como as coisas andam?
Bjokas e linda semana pra vocês :)