7 de maio de 2010

Entrevista...




O KISS retorna à Europa na primavera com a incrível turnê SONIC BOOM OVER EUROPE, após estar a dois anos na estrada com a turnê muito bem sucedida ALIVE 35. Essa nova turnê faz parte da tour do mais novo álbum da banda, o SONIC BOOM, lançado em 2009. Em fevereiro passado, o KISS realizou uma série de coletivas de imprensa na Europa. Eles passaram cerca de dois dias na Alemanha, e depois mais dois dias no Reino Unido para promover a nova turnê. Em Londres, tivemos a grande oportunidade de entrevistar o vocalista/guitarrista e um dos fundadores da banda, Paul Stanley. Conversamos sobre a nova turnê e o novo álbum e outras informações interessantes... Leiam a seguir!

TURNÊ EUROPEIA

Entrevistador: Vocês estão aqui para promover a nova turnê SONIC BOOM OVER EUROPE. O que os fãs europeus podem esperar dessa turnê?

Paul Stanley: O palco será o mesmo que foi usado nos EUA, com todos os monitores de vídeo. Haverá a inclusão de novos sinos e apitos, assim como um novo set list.

E: É ótimo saber que haverá mudanças no set list. Vocês já decidiram quais músicas do novo disco serão incluídas?

PS: Acredito que serão quatro.

E: E a respeito das décadas de 80/90. Existem muitos fãs europeus que realmente gostam das músicas dessa época. Haverá também músicas desse período?

PS: Tenho certeza que “Crazy Crazy Nights” e “God Gave Rock & Roll to You” estarão no set list. É muito difícil incluir nossos hits desde o início da banda. Isso significa que algumas músicas acabam ficando de fora. Não podemos ficar adicionando músicas a todo momento. É muito legal quando as pessoas nos dizem “que tal tocar essa ou aquela música?”, porém quais canções devemos tirar para que isso aconteça?

E: Todos lembram que a turnê ALIVE 35 foi muito bem sucedida na Europa. Quais as expectativas que vocês tem com relação à nova turnê?

PS: Se as pessoas consideraram que essa turnê foi ótima, e realmente foi, posso dizer que a nova será ainda melhor. Não foi um golpe de sorte, e nem foi por acaso que a última turnê foi ótima... A banda é ótima!

E: Assim que a turnê europeia terminar, vocês irão para os EUA. Vocês tem planos de continuá-la após esses shows? De repente, Japão ou Austrália?

PS: Não sei... De fato, voltaremos para os EUA após a turnê na Europa. Teremos que pensar a respeito. Recebemos muitas ofertas para tocar, porém eu gostaria de ir para casa. Tem pequeninos em casa que querem o papai lá. E isso para mim é uma prioridade.

E: Ficamos muito felizes ao saber do show em um clube aqui em Londres. Está fora de cogitação fazer mais shows nesse estilo num futuro próximo, nos mesmos moldes dos shows “KISS IN YOUR FACE” alguns anos atrás?

PS: É muito difícil fazê-los. O que acontece é que já estamos aqui, não estamos em turnê ainda. Os ensaios ainda nem começaram. Simplesmente iremos até lá tocar. Porém, quando estamos em turnê, os dias de folga são muito importantes para podermos relaxar. Não podemos simplesmente decidir “Vamos tocar em um clube!”. Isso acontece caso você faça uma apresentação de 90 min por noite ou se tocar apenas duas vezes por semana. E isso é algo que não fazemos. Então, dia de folga é dia de folga.

E: Bom, após o término da turnê SONIC BOOM, quais serão os próximos passos do KISS?

PS: Nesse momento, não sei mesmo. Não há nada escondido que ainda não tenhamos anunciado.

SONIC BOOM

E: No geral, quão satisfeito vocês estão com relação às vendas e ao feedback recebido do novo álbum? Tiveram alguma surpresa, seja positiva ou negativa?

PS: Estou muito contente, pois este é um álbum maravilhoso. Eu disse desde o começo, se vender 10 ou 1 milhão de cópias, será o mesmo para mim. Nessa altura do campeonato, tudo gira em torno de se fazer um excelente álbum. O resto virá como um bônus. Nos Estados Unidos, as vendas foram realizadas em um único local, o que tem seu lado bom e ruim. O lado bom é o suporte vindo do local. O ruim é que você só conseguirá o álbum nesse local. Mas, mesmo assim, eu não poderia querer um álbum melhor. Na verdade, não consigo imaginar um álbum melhor.

E: As críticas ao álbum foram sempre muito positivas.

PS: Verdade. As críticas realmente foram muito boas. É incrível fazer um álbum que é inegavelmente bom, não é? – risadas – Obrigado.

E: Vendo como um produtor, qual foi a maior diferença entre produzir esse álbum e o seu álbum solo, LIVE TO WIN?

PS: Foi algo totalmente diferente. O LIVE TO WIN não era um álbum do KISS. Na verdade, era eu tentando fazer um álbum que não soasse como o KISS. Se eu quisesse fazer um álbum a lá KISS, eu teria feito algo como o ANIMALIZE. Para fazer um álbum do KISS, é necessário todos os elementos para torná-lo ótimo, assim como a contribuição de todos, Gene e eu escrevendo juntos, e não eu e outros compositores. É muito fácil fazer um álbum onde você não foi o compositor, onde outra pessoa tocou os instrumentos, ou mesmo dizer “preciso de apenas 4 músicas para que esse álbum seja bom, ou não”. Seria muito fácil fazer um álbum dessa forma, mas não é assim que deve ser feito. Seguimos certas regras ao fazermos esse novo álbum, havia alguém responsável por ele, o que torna o processo muito mais fácil. Podemos dizer que esse foi o álbum mais fácil que já fizemos, pois seguimos ótimas diretrizes.

E: Você já declarou várias vezes que esse é o melhor line up do KISS. Agora que vocês terminaram o primeiro álbum com esse line up, você ainda concorda com essa afirmação?

PS: Totalmente! Não há uma única noite em que a banda não esteja em sua melhor forma. Como eu já disse antes, agora temos uma banda onde os quatro membros pensam da mesma forma, “Como podemos tornar a banda mais famosa?” ao invés de pensar “Como posso me tornar mais famoso?”

E: Apesar de terem dito que todo o material do SONIC BOOM era inédito, algumas das canções foram escritas anteriormente, como por exemplo, “Nobody’s Perfect”, escrita por Gene. Você poderia nos dizer algo mais sobre essas canções e também como vocês decidiram qual material seria usado no álbum?

PS: Eu nunca ouvi outra versão dessa música. Era chamada “Nobody’s Perfect”?

E: Sim, e na verdade existem algumas fitas onde é possível ouvir a versão demo dessa canção...

PS: Não conheço. Conheço a maioria das canções de Gene, pois sempre as ouvi, ano após ano. Essa música é muito boa. Muitas das nossas canções não foram utilizadas, e isso aconteceu por algum motivo.

E: Muitos fãs, especialmente os europeus, reclamaram que não houve divulgação o suficiente do lançamento do álbum. Houve alguma razão em especial para vocês não fazerem uma turnê promocional?

PS: Ela não aconteceu porque, provavelmente, estávamos ocupados. É muito bom fazer uma turnê promocional, mas alguém tem que pagar por ela. Caso alguém não queira pagar, não posso fazer um evento beneficente. Eu lhe dou um grande álbum, e caso você queira mais do que isso, pague pelo espetáculo e consiga um lugar para eu fazê-lo.

E: Bem, nosso tempo já está se esgotando, então vamos a última pergunta. O SONIC BOOM será o último disco de estúdio do KISS?

PS: Acho que não. Dentro de um ano faremos um novo álbum.

E: Verdade???

PS: Sim. Acho que levará de um ano a um ano e meio.

E: Esperaremos por isso, então. Agradeço o seu tempo e bom show hoje à noite.

PS: Obrigado e até logo.

Um comentário:

  1. Masssaaa retirado do site KISS army quarta feira passadaaa.....hehehehe

    ResponderExcluir